Home Notícias Softbol Integração e amizade no I Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?!
0

Integração e amizade no I Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?!

Integração e amizade no I Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?!
0
0

Evento aconteceu no último final de semana (17 e 18.02)

Teve muito jogo de softbol e muita integração nos campos do Gecebs, em São Paulo, nesse final de semana. É que no sábado e no domingo (17 e 18.02) foi realizada a primeira edição do Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?! O evento, que tem os objetivos de promover o maior conhecimento do Distúrbio do Processamento Auditivo Central (DPAC) e a integração entre os atletas, reuniu centenas de pessoas.

“O evento foi um grande sucesso, o torneio teve a participação de 23 times e a presença de aproximadamente 800 pessoas nos dois dias de evento. Uma grande experiência de amizade, diversão e muita alegria”, avaliou Herbert Higashi, organizador do evento e pai de Gabriel.

Gabriel é um menino que possui Distúrbio do Processamento Auditivo Central (DPAC) e motivo pelo qual sua mãe, Cristhiane Higashi, criou o blog Camelo, Mamãe?!

Todos são vencedores

Além da integração e amizade, o I Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?! teve disputas em duas categorias: Livre e Iniciantes/Ladies.

Na categoria Livre, o campeão da Chave Ouro foi o time Gecebs das Novinhas. O vice-campeão foi o Remendados.Em terceiro lugar ficou Gecebs Asiáticos Livres

Na Chave Prata, o pódio foi composto por Tozan Livre, Caimanes de SP e Underdogs, primeiro, segundo e terceiro lugares, respectivamente. Já na Bronze, a primeira colocação foi para Camelo Livre. A segunda, para Foxes e a terceira para Família Kuriki.

Já na Iniciantes/Ladies, o lugar mais alto do pódio na Chave Ouro foi ocupado por Cooper Ladies, seguido por Camelo Ladies e São José Wild Eagles.

Na Chave Prata, o melhor foi Camelo Amizade. Cooper Pô Pai ficou em segundo e Cooper Ladies em terceiro.

Fechando as premiações coletivas do I Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?!, na Chave Bronze, o mais bem classificado foi Gecebs Asiáticos Iniciantes, seguido por Tozan Pais e Girls Power Gecebs.

Confira a lista completa dos premiados.

CATEGORIA LIVRE

CHAVE OURO
1º – GECEBS DAS NOVINHAS 2º – REMENDADOS 3º – GECEBS ASIÁTICOS LIVRES 4º – FEA-USP

CHAVE PRATA
1º – TOZAN LIVRE 2º – CAIMANES DE SP 3º – UNDERDOGS 4º – CAMELO LIVRE 1

CHAVE BRONZE
1º – CAMELO LIVRE 2 2º – FOXES 3º – FAMÍLIA KURIKI 4º – MONARCHS BASEBALL

CATEGORIA INICIANTE/LADIES

CHAVE OURO
1º – COOPER LADIES A 2º – CAMELO LADIES 3º – SÃO JOSÉ WILD EAGLES 4º – THE BIG FAMILY GIANTS A

CHAVE PRATA
1º – CAMELO AMIZADE 2º – COOPER PÔ PAI 3º – COOPER LADIES B 4º – THE BIG FAMILY GIANTS B

CHAVE BRONZE
1º – GECEBS ASIÁTICOS INICIANTES 2º – TOZAN PAIS 3º – GIRLS POWER GECEBS

Premiações individuais

Além das conquistas em equipes, foram reconhecidos também os destaques individuais do Torneio de Softbol Camelo, Mamãe?!

Os home runs masculino na Livre foi de Fábio Tatsuno (FEA-SP) e de Bruno Nizu (Gecebs das Novinhas). No feminino, o home run foi de Fernanda Missaki (Gecebs das Novinhas).

Já no Feminino Iniciantes/Ladies,três foram os home runs. Erika Kikuchi (Cooper Ladies), Miyuki (Cooper Ladies) e Yukari (Camelo Ladies).

Atletas do Cooper Ladies também foram reconhecidas no HIT. Deyse Sato e Luzia Nakao (da Coper Ladies), além de Bianca Shibata (Camelo Ladies).

 

“CAMELO, MAMÃE?!”

Camelo, mamãe?! É o nome de um blog desenvolvido e atualizado por Cristhiane Higashi. A intenção do site é “encontrar famílias que tenha o mesmo problema do Gabriel, a alteração do processamento auditivo ou outras com “problemas” parecidos. Assim, trocaremos informações para ajudar, compreender, divulgar e combater o preconceito. E mostrar que quando estas crianças são estimuladas e ensinadas com paciências elas se tornam muito inteligente e dedicadas”, descreve ela no próprio blog.

Gabriel é o filho de Cristiane. Ele tem Distúrbio do Processamento Auditivo Central (DPAC). Conforme ela explica, “As pessoas que tem essa dificuldade, na grande maioria, escuta 100%, mas não compreende o que foi dito. Pois eles não tem o ‘fio’ que liga do ouvido para o cérebro e com isso dificulta a compreensão em ambientes ruidosos. Não entendem palavras de duplo sentido, dificuldades de memorização, desatenção, entre outros”.

E aguarde! Em breve, o Travinha Drops sobre Camelo, Mamãe?! Na Travinha TV!

Vem aí o 1º Torneio de Softball Camelo, Mamãe?!

 

Texto: Nathália Ely/Travinha Esportes
Foto: Divulgação/ Camelo, Mamãe?!

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *