0

Voleibol Sentado

Voleibol Sentado
0
0

O Voleibol Sentado é um esporte adaptado. Assim como no vôlei convencional, cada time é formado por seis jogadores, que atuam sentados no chão com alguma parte do corpo entre as nádegas e ombros. Como um esporte adaptado, entretanto, ele precisou ser modificado para a integração de todos.

 

 

 

História

O voleibol sentado começou na Holanda nos anos 1950, combinando voleibol e o Sitzbal – um jogo alemão que não tem a rede, praticado por pessoas com mobilidade limitada. Começou a se popularizar nos anos 1960, tornando-se um dos mais rápidos e emocionantes esportes paralímpicos. Atualmente, ele é jogado em mais de 50 países.

Em 1980 em Arhem, na Holanda, com a participação de sete seleções, o voleibol sentado masculino passou a integrar os Jogos Paralímpicos, As mulheres, no entanto, só passaram a competir em Atenas 2004 e o Brasil só estreou em Pequim 2008. Até os Jogos de Sydney em 2000, a modalidade era dividida em duas categorias, sentado e em pé, mas, a partir de Atenas, por decisão do Comitê Paralímpico Internacional (IPC), a competição passou a ter categoria única: sentado.

 

Campeonatos Mundiais masculino e femininos acontecem desde 1993.

 

 

 

Jogo

O Voleibol Sentado é jogado por duas equipes de 6. O objetivo do jogo é fazer a bola cair na quadra adversária As regras são semelhantes a do voleibol tradicional, com algumas diferenças, como a de que é permitido bloquear o saque adversário e o contato com o chão deve ser mantido em toda e qualquer ação, sendo permitido perdê-lo somente nos deslocamentos.

 

A partida é decidida em melhor de cinco sets. Vence o set o time que marcar 25 pontos. Em caso de empate nos 24 pontos, ganha o primeiro que abrir dois pontos de vantagem. Caso a partida empate em dois sets, há o set decisivo, o tie break, que é menor, sendo vencido pela equipe que marcar 15 pontos. Há três maneiras do time marcar ponto: derrubando a bola na quadra adversária, o time adversário cometendo uma falta ou quando o outro time recebe uma penalidade.

Cada equipe pode dar três toques na bola antes de passar para a quadra adversária (além do toque de bloqueio). O movimento de ataque fundamental é o levantamento e a cortada, em que um jogador passa a bola (o levantamento) para um companheiro de equipe para ele bater para a quadra adversária (a cortada).

A partida começa com três jogadores da linha de frente em uma linha perto da rede, e três jogadores da linha de trás em uma linha em direção ao fundo da quadra. Com o saque, há a rotação, na qual os jogadores rodam na quadra, ocupando diferentes espaços. No momento de golpear a bola, o (a) sacador(a) deve estar na zona de saque e seus glúteos não devem tocar a quadra (linha final inclusive). Um jogador de defesa pode realizar qualquer tipo de golpe de ataque de qualquer altura, desde que no momento do golpe os glúteos do jogador não toquem ou cruzem sobre a linha de ataque.

 

 

 

Equipe

Uma equipe de voleibol sentado pode ter, no máximo, 12 jogadores – sendo até 2 deles classificados como “inabilidade mínima”, um técnico, um assistente técnico, um preparador físico, e um doutor médico. Dos seis jogadores em quadra, no máximo um deles pode ter “inabilidade mínima”.

As posições dos jogadores em quadra são determinadas e controladas pelas posições dos seus glúteos. O que significa que a(s) mão(s) e / ou perna(s) dos jogadores podem estender-se na zona de ataque (jogador da linha de fundo no golpe de ataque), na quadra (sacador durante o golpe do saque), ou na zona livre do lado de fora da quadra (qualquer jogador durante o golpe de saque).

As posições dos jogadores são numeradas conforme segue: os três jogadores da rede são os jogadores de linha de frente e ocupam as posições 4 (frente-esquerda), 3 (meio) e 2 (direita). Os outros três são os de linha de trás e ocupam as posições 5 (esquerda), 6 (meio) e 1 (direita).

Cada time tem a oportunidade de ter um líbero entre os jogadores em quadra. O líbero é um especialista na defesa e não pode atacar. O líbero é identificado pelo uniforme de cor diferente dos outros em quadra. Depois do saque, os jogadores podem se movimentar e ocupar qualquer posição na quadra e na livre.

 

 

 

Quadra

 


Essa modalidade de esporte adaptado é jogado em uma quadra retangular de 10m x 6m com uma área de escape (zona livre) de, no mínimo, 3m em todos os lados. A quadra é divida por uma rede de 6.50 a 7.00m de comprimento e 0.80 de largura e uma altura de 1.15m para homens e 1.05m para mulheres. As antenas, que delimitam a área de jogo, possuem 1.80 m de altura e 10 mm de diâmetro e ficam 100 cm acima da rede.

Pode-se dividir a quadra em duas zonas: ataque e defesa. As linhas de ataque são desenhadas a 2m de distância do eixo da linha central.

A área de saque (ou serviço) é um espaço de 6m de largura atrás da linha final da quadra, delimitada lateralmente por duas linhas de 15 cm, desenhadas 20 cm depois da linha  atrás da linha final da quadra.

A bola do voleibol sentado possui 65–67 cm e pesa 260–280g

 

 

 

Equipamentos

 

Um equipamento de jogador consiste em uma camiseta, short ou calça comprida, meias e tênis. As camisetas e os calções devem ser numerados de 1 a 8.

Para campeonatos mundiais da WOVD, competições oficiais e campeonatos regionais, os uniformes podem ser numerados de 1 a 20 e é proibido usar tênis predominantemente preto. O número deve ser colocado no meio da camiseta, na frente e nas costas. O capitão deve ter uma listra na camiseta.

 

 

 

Classificação funcional

No vôlei sentado há duas categorias funcionais: amputados e les autres. Para amputados, são nove classes básicas baseadas nos seguintes códigos:

AK – Acima ou através da articulação do joelho (above knee)

BK – Abaixo do joelho, mas através ou acima da articulação tálus-calcanear (below knee)

AE – Acima ou através da articulação do cotovelo (above elbow)

BE – Abaixo do cotovelo, mas através ou acima da articulação do pulso (below elbow)

•    Classe A1 = Duplo AK

•    Classe A2 = AK Simples

•    Classe A3 = Duplo BK

•    Classe A4 = BK Simples

•    Classe A5 = Duplo AE

•    Classe A6 = AE Simples

•    Classe A7 = Duplo BE

•    Classe A8 = BE Simples

•    Classe A9 = Amputações combinadas de membros inferiores e superiores

 

Les autres são pessoas com alguma deficiência locomotora. Atletas pertencentes a categorias de amputados, paralisados cerebrais ou afetados na medula espinhal (paratetra-pólio) podem participar de alguns eventos pela classificação les autres.

 

 

 

Juízes

Há dois árbitros para supervisionar cada partida, além de dois marcadores (que sentam à mesa), e os juízes de linha, que ficam nos cantos da quadra para indicar irregularidades com relação às linhas. As falhas são apontadas pelo movimento de bandeiras.

 

 

 

Infrações

Por ser um esporte de muita técnica e habilidade, o time que errar mais – como bater a bola para fora da quadra, pegar ou jogar a bola – perderá a posse do saque.

Um sistema de cartão é usado para punir infrações mais graves, tais como conduta grosseira. O time que levar cartão amarelo converte em um ponto para a equipe adversária. O cartão vermelho expulsa um jogador, e um cartão vermelho e amarelo significa expulsão para o resto da partida, mas sem perda de pontos.

Quando um atleta é expulso ou desqualificado, se o time tem a chance de substituí-lo, ele é forçado a fazer isso. Se uma equipe fica com menos de seis jogadores ou não possui mais substituições legais, ela perde o set ou a partida, respectivamente.

O time comete uma falta de posição quando qualquer de seus jogadores não está na sua posição correta no momento em que o sacador bate na bola.  Falta de rotação é quando o serviço não é feito de acordo com a rotação. Essas duas faltas rendem um ponto e saque para o time adversário.

Um time comete quatro toques quando os atletas tocam quatro vezes antes de passar para a outra quadra. Já o toque assistido é quando um jogador tem o apoio de um companheiro de equipe ou qualquer estrutura ou objeto para acertar a bola dentro da área de jogo. Condução: a bola é retida e /ou lançada, ela não é rebatida com toque. Toque duplo é quando o jogador dá dois toques seguidos na bola ou a bola toca em várias partes do corpo sucessivamente. Levantamento é quando uma parte do corpo do jogador entre o glúteo e os ombros perde contato com a quadra durante o jogo.

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:
– SITE: Comitê Paralímpico Internacional – http://www.paralympic.org/Sports
– SITE: Organização Mundial de Voleibol Sentado para Deficientes (World Organization for Volleyball for the Disabled – WOVD) – http://www.wovd.info/Docs/Rules/Sitting%20Volleyball%20Rules%202011-2012final.pdf
– SITE: Comitê Paralímpico Brasileiro – http://www.cpb.org.br/
– SITE: Jogos Paralímpicos de Londres 2012 – http://www.london2012.com/paralympics/sitting-volleyball/about/

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *