0

Regras do Tênis de Mesa

Regras do Tênis de Mesa
0
0

 

Os equipamentos do Tênis de Mesa

Vamos conhecer logo abaixo, os equipamentos que são utilizados no jogo do Tênis de Mesa.

 

Mesa

A mesa de tênis (foto acima) é feita com uma superfície plana retangular com a medida de 2,74 metros de comprimento por 1,525 metros de largura e com altura de 76 centímetros. A superfície de jogo deve ser sem reflexos, na cor escura (preferencialmente o verde escuro ou o azul). As linhas demarcatórias da mesa devem ter 2 centímetros de largura. As linhas de 1,525 metros, correspondentes aos extremos da superfície de jogo, são chamadas de linhas de fundo. Já as linhas de 2,74 metros, que correspondem aos lados da superfície de jogo, são utilizadas apenas no jogo de duplas na hora em que o saque for realizado a partir do lado direito da mesa em direção diagonal.

 

 

Rede

A rede oficial de Tênis de Mesa tem comprimento de 1,83 metros e altura de 15,25 centímetros sobre a superfície de jogo. Toda a parte inferior da rede deve estar em contato com a superfície de jogo.

 

 

Bola

A bolinha oficial do Tênis de Mesa é feita de celulose, na cor branca ou laranja, tendo 40 milímetros de diâmetro e pesando 2,7 gramas.

 

 

Raquete

A raquete do tênis de mesa pode ser de vários tamanhos, formas e pesos. No entanto devem ser constituídas em 85% de madeira natural. A lâmina da raquete pode ser reforçada com uma camada de adesivos misturados a materiais fibrosos, como fibras de carbono, fibras de vidro ou papel prensado. A espessura de cada uma destas lâminas não pode ser superior a 7,5% da espessura total ou 0,35 milímetros, prevalecendo o menor valor.

Em competições oficiais, o lado usado para bater na bola, ou seja, atacar, deve ser coberto com borracha (lisa ou porosa), enquanto o lado não usado para atacar, deve ser pintado de cor diferente da borracha, ou seja, cada lado obrigatoriamente deve ser pintado na cor vermelha e preta. Não é permitido bater na bolinha com o lado da raquete que estiver sem borracha. Geralmente, os atletas usam dois tipos de borrachas. Uma que serve para atacar e a outra serve mais para defender. Como mencionei acima, apenas um lado da raquete pode ser usado para o ataque e o outro apenas para a realização de defesas.

 

 

 

O jogo

No tênis de mesa, os torneios podem ser realizados em categorias individuais (dois jogadores), duplas (dois times de dois jogadores) e duplas mistas (um homem e uma mulher). Começamos abaixo explicando a categoria de simples e depois o jogo de duplas.

No simples (foto acima), cada partida de Tênis de Mesa é iniciada através de um sorteio realizado pelo árbitro, que permite ao vencedor, determinar se ele será o sacador ou o recebedor.

Cada atleta dá dois saques consecutivos. Após os dois saques, muda o sacador e assim sucessivamente até o final do set.

Cada set é disputado até 11 pontos. No caso de haver empate em 10 pontos, o vencedor será o jogador que conseguir abrir primeiro dois pontos de vantagem sobre seu adversário. Neste caso, uma pequena mudança ocorre nos saques. Ao invés dos jogadores se alternarem a cada dois saques, eles passam a se alternar a cada saque.

 

O conjunto de sets varia de acordo com a competição. Normalmente, uma partida é constituída de 3, 5 ou 7 sets, sendo o vencedor aquele que ganhar 2, 3, ou 4 sets, respectivamente. Ao final de cada set, os jogadores trocam de lado e o sacador do primeiro set será o recebedor no segundo. No caso de haver um empate nos sets, ou seja, se for melhor de 3, empatar em 1 a 1, melhor de 5, empate em 2 a 2 e melhor de 7, empatar em 3 a 3, um último set é disputado e vence o jogador que alcançar 5 pontos. Neste set, deve-se trocar o lado, mantendo-se o sacador.

No jogo de duplas (foto acima) o sistema de sorteios é o mesmo do jogo de simples, bem como as pontuações, porém, há algumas diferenças na prática do jogo em si.

Cada jogador deve rebater uma vez na bola, sempre alternando os rebatedores. Ao final de cada set, troca-se o lado das duplas. O lado que irá sacar escolhe qual dos dois jogadores será o sacador e o recebedor terá que inverter a posição. Um exemplo prático: No primeiro set, a dupla AB joga contra a dupla CD. O jogador A lança a bola para o jogador C e o B para o D. No set seguinte, o jogador A deverá lançar a bola para o jogador D e o B para o C. No terceiro set, retorna-se à posição do primeiro e assim sucessivamente.

Pronto, agora com estas explicações é só você mandar fazer ou comprar uma mesa pronta de Tênis de Mesa (Pingue-Pingue), as raquetes, a rede e a bolinha. Certamente este é um jogo bastante indicado e de certa forma barato para reunir amigos e ter um belo entretenimento esportivo. Divirta-se!

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
– LIVRO: Almanaque dos Esportes, Paulo Basso Jr. – São Paulo: Editora Europa, 2009.
– LIVRO: Tênis de Mesa – Teoria e Prática. Welber Marinovic, Cristina Akiko Iizuka e Kelly Tieme Nagaoka  – São Paulo: Editora Ph, 2006.
– LIVRO: História dos esportes/Orlando Duarte. – 4ª ed. – São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2004.
– SITE: Confederação Brasileira de Tênis de Mesa – http://www.cbtm.org.br/
– SITE: Federação Paulista de Tênis de Mesa – http://www.fptm.com.br/
– SITE: Federação Portuguesa de Tênis de Mesa (FPTM) – http://www.fptm.pt

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *